“Ser criativo é experimentar. Mesmo fazendo careta”

Estou preparando uma pauta bem legal sobre o lançamento de um livro editado pela minha amiga Karla Vidal. A obra abre uma série chamada de Professor Criativo, que fala (claro) de educação, criatividade e tecnologia. A matéria está quase pronta e será publicada aqui, aguardem só mais um pouquinho.

Na tarefa de editar esse texto, topei com esse depoimento muito legal sobre criatividade que eu resolvi “adiantar” por aqui. A fala é da pesquisadora Leila Ribeiro, uma das pesquisadoras envolvidas no estudo.

“Educador criativo é aquele que não tem medo de conhecer, não se esquiva do novo, questiona o que todo mundo segue sem questionar e experimenta, mesmo fazendo caretas. Ser criativo não é um dom, muito menos um conceito de “ser artista”. Ser criativo é pensar diferente do igual, é tentar outras maneiras, mesmo que pareça existir apenas uma. Ser curioso é essencial para o professor criativo. Sempre faço uma analogia com Alice no País das Maravilhas: ela não tinha medo do que via e tudo era completamente fora do convencional. Alice era uma exploradora, não havia perigos ou príncipes para salvá-la, só havia um mundo incrível para ser desbravado e conhecido por ela”.

Muito bom, não é?

 


Vamos conversar no twitter@suzanavalenca

Adoro o Instagram. Vamos nessa? @suzanavalenca ou @3girlsabunchofbook

Precisa de produção de conteúdo para a internet? Conheça meus serviços